[Artigo] O local onde o cara gosta de gozar diz muito sobre ele

Você sabia que o local onde o cara gosta de gozar diz muito sobre a sua personalidade? Conheça e entenda o comportamento do parceiro através dessas dicas

 

Foi-se o tempo em que bastava um beijo para sabermos qual era o estilo do homem e conhecermos sua “pegada”. Agora as coisas vão bem mais além. Aposto que você não sabia que o local onde o seu parceiro gosta de gozar diz muito sobre a sua personalidade!

Na verdade, isso dependerá muito das circunstâncias na qual foi desenrolada a ação e o combinado de ambos, afinal, nenhum dos dois pode fazer nada que o outro não queira. Respeito em primeiro lugar, sempre! Não importa como aconteceu o orgasmo: seja durante a penetração, ele ou você o masturbando ou no sexo oral – uma hora ou outra a excitação dele irá extravasar.

Saiba o que o local onde o cara gosta de gozar diz sobre ele!

Costas/Bunda – Durante o sexo, a ejaculação na região das costas do corpo é uma das mais comuns, já que as posições eróticas mais usuais são as do parceiro penetrando a mulher por trás. Para as mulheres que tem nojo, torna-se uma ótima opção, uma vez que não precisa observar nem o gozo e nem a cara do rapaz enquanto ele atinge o seu orgasmo. Essa atitude pode significar que o cara é tímido, ou que ainda não tenha intimidade o suficiente com a parceira e, por isso, prefere sair do campo da sua visão. Ou, melhor ainda, que ele sente um grande prazer pela sua bunda e gosta de observá-la.

Barriga – É uma versão mais íntima da gozada nas costas/bunda. Por estar de frente para a pessoa, encarando-a, olhando um nos olhos do outro é comum que já exista uma certa proximidade. O cara que ejacula no quadril gosta de ver a reação da mulher, ficando mais excitado. Outra indicação é que ele talvez seja um pouco preguiçoso ou afobado, pois não precisa de muito movimento para achar o lugar, entrando em desespero e resultando mais numa gozada de pânico.

Rosto – Muitas pessoas detestam esse tipo de ejaculação, por se sentirem submissas ou não gostarem da sensação que deixa. O homem que gosta de gozar na cara de quem está transando pode demonstrar que ele seja um grande fã de vídeos pornôs, uma vez que essa prática surgiu, é difundida e comumente observada nesses tipos de filmes. Porém, ao menos que você tenha pedido, é claro, essas regras não precisam necessariamente se encaixar.

Boca – Cuspir ou engolir? Deixar ou não? Estes são de longe um dos grande dilemas durante o sexo, afinal, não é todo mundo que curte e que queira experimentar. Caso o cara tente fazer isso sem antes te perguntar, ele não está agindo com respeito. É o mesmo cara que gosta de falar umas sacanagens durante o sexo, que dá os famosos tapinhas, e tem uma pegada mais selvagem. Óbvio que se foi por um pedido seu, o cenário muda completamente.

Peitos – Como o homem que gosta de gozar no rosto, esse aqui também deve gostar bastante de vídeos pornôs. Ele se acha educado por não ter ejaculado na sua cara, mas safado por ter utilizado uma região erógena. Ele é o meio termo, ocupando os dois extremos na transa, dependendo do nível da empolgação do momento. Ele provavelmente tem um grande tesão pelos seus seios e gosta de ficar observando-os ou mexendo-os. É comum também que ele queira brincar com eles.

Coxa – É o homem que acha que vive no limite, que gosta de fazer o famoso mistério e não quer estabelecer uma relação tão profunda. Caso você já tenha feito mais de uma vez com ele e continue usando da mesma prática, ou ele tem muito medo de te engravidar ou entra em pânico quando sente que vai atingir o ápice, jorrando em qualquer lugar.

Mão – Gozar na mão dele é um ato bem educado, demonstra respeito e até uma falta de intimidade ou timidez. É aquele homem que não curte muito ficar enrolando, que vai direto ao ponto, sabe o que quer. Muitas vezes não quer incomodar ou causar alguma indisposição. Provavelmente ele já é mais experiente e não vê necessidade de fazer nada muito extravagante além do próprio ato. Caso ele queira gozar na mão de quem está tendo relação, é um sinal que demostra sua vontade de se exibir e se autoafirmar, mostrando seu bom trabalho.

Camisinha – Esse é o homem que se importa com quem está mantendo relação, aquele que se preocupa com a transmissão de alguma doença ou de uma gravidez não programada. É aquele que prefere não ter contato direto com o gozo e também não quer que ninguém tenha. Evidenciando um lado mais humano do sexo, deixando de lado a pura selvageria. Ele pensa no prazer dos dois, e não é egocêntrico. Acredite, um dos tipos raros hoje em dia.

Por Vítor Ferreira